ID 360 - 28 e 29 de setembro!

Governador Antonio Anastasia participa de bate-papo online sobre políticas culturais do Estado

Nenhum comentário

Após anunciar, no início de setembro, investimento recorde da ordem de R$ 417 milhões em obras e ações na área da cultura, o governo de Minas Gerais quer agora saber a opinião dos cidadãos sobre a política cultural do estado. Desde o dia 20 de setembro, produtores, gestores culturais, artistas e interessados em geral podem compartilhar ideias por meio do site http://movimentominas.mg.gov.br.

O objetivo é aprofundar discussões a respeito das ferramentas de fomento à cultura, estimular a participação da população na elaboração de políticas públicas na área e promover a apropriação dos territórios pelas manifestações artísticas.

O próprio governador Antonio Anastasia vai participar de um bate-papo online com os internautas, durante uma hora, a partir das 19h do dia 15 de outubro, terça-feira. “Nos últimos meses, temos observado a grande vontade dos brasileiros em participar cada vez mais das políticas públicas. Isso é muito bom para a consolidação da democracia, para o progresso e prosperidade do Brasil”, explica Anastasia.

A ideia de ouvir a população sobre a área da cultura é uma resposta do governo de Minas à recente onda de manifestações que tomou conta do país. “Acredito que os governos devam ficar muito atentos a todo esse tipo de manifestação e, principalmente, dar guarida e atenção a essa grande vontade de participação de todas as pessoas da nossa sociedade”, completa Anastasia, que gravou um vídeo convidando a todos para participarem do debate (http://movimentominas.mg.gov.br/desafios/troque-ideias-sobre-cultura).

Idealizado pelo Escritório de Prioridades Estratégicas do governo de Minas em 2011, o Movimento Minas é um projeto inspirado no conceito de inovação aberta. Trata-se de um espaço para que cidadãos proponham novas práticas para melhorar a sociedade e para promover a participação social. Desde que foi lançado, já realizou diversos momentos de diálogo entre representantes da administração pública e sociedade civil.

Qualquer pessoa pode propor conversas e temas e acompanhar as discussões acessando o site do projeto.

Nenhum comentário :