Patrocínio

9 a 11/09: Encontro IVE Brasil: Comunicação Construtiva - Novas narrativas em tempos difíceis

Nenhum comentário

A exemplo do encontro realizado em Nova York anualmente, acontecerá em Igarapé, Minas Gerais, o Encontro IVE Brasil, um diálogo internacional sobre comunicação e o papel transformador da mídia.

O evento, destinado às pessoas das áreas da comunicação, artes e demais interessados em refletir sobre o papel da mídia e de como gerar conteúdos construtivos em diferentes contextos, contará com a presença de Judy Rodgers, além de convidados expoentes da mídia brasileira.

O objetivo principal é promover um diálogo inspirador e transformador entre profissionais de mídia. O encontro propiciará aos participantes compartilhar histórias e experiências e refletir sobre os impactos que as mensagens têm causado sobre as comunidades.

Um dos temas que será abordado é a narrativa restaurativa, uma nova abordagem que se concentra em contar histórias de recuperação, restauração e resiliência em tempos difíceis. Outro tema em destaque será a cobertura da mídia sobre a tragédia ocorrida na região de Mariana – MG, em 2015, quando pessoas morreram, comunidades e biomas foram afetados e cidades foram destruídas após o desmoronamento de uma barragem da mineradora Samarco, de propriedade da Vale/BHP Billiton.

Em um local agradável, em meio a muita natureza a cerca de 60 km do centro de Belo Horizonte, no Hotel Fazenda Igarapés, os participantes terão a oportunidade de trocar experiências e se inspirar e fortalecer em seus papeis de agentes de benefício para o mundo. Os profissionais da mídia, serão provocados através das palestras e diálogos, a refletirem sobre as escolhas que fazem ao produzir mensagens, notícias e informações que atingem e impactam, de diferentes formas, toda a sociedade. Assim, conscientizando-os sobre a urgência da geração de conteúdos construtivos que contribuam para elevar a confiança pública nas alternativas e soluções para os problemas da sociedade, ampliando a esperança humana para ações que promovam a justiça e a paz social.

O evento acontecerá nos dias 9, 10 e 11 de setembro de 2016. As inscrições já estão abertas através do site www.ive.org.br. Aqueles que se interessarem em chegar um pouco mais cedo, poderão participar de um passeio organizado pela equipe do evento ao Museu Inhotim no dia 9, sexta-feira, durante o dia.

Mas o que é ser IVE?
No Brasil, o Images & Voices of Hope (ivoh) é conhecido como IVE – Imagens e Vozes de Esperança. Um movimento que reúne comunicadores e artistas que buscam a construção e o incentivo de mídias que contribuam para uma visão mais apreciativa e equilibrada sobre os acontecimentos do mundo. Não se trata de encobrir verdades difíceis. Trata-se de amplificar o melhor na natureza humana e, sempre que possível, brilhar a luz sobre os passos que podem ser dados para o futuro que queremos.

O  Images & Voices of Hope (ivoh) foi fundado em Nova York, em 1999, através da iniciativa da jornalista americana Judy Rodgers, por meio do apoio da Brahma Kumaris Word Spiritual Organization, do Center for Advances in Appreciative Inquire e da Visions of a Better World Foundation. A atuação é voluntária, inspirada na investigação apreciativa e orientada para a criação da transformação positiva e significativa no mundo por meio da comunicação.

ENCONTRO IVE BRASIL - Igarapé, Minas Gerais
Tema: "Comunicação Construtiva - Novas narrativas em tempos difíceis."
Quando: 9, 10 e 11 de setembro de 2016
Onde:  Hotel Fazenda Igarapés, Minas Gerais (a 60 km de BH, próximo a Inhotim)
Para mais informações: @iveBrasil   #ive2016

Palestrantes convidados:

Judy Rogers: é a diretora fundadora do IVOH – Images and Voices of Hoje. Durante mais de 20 anos, trabalhou em diversos veículos de comunicação norte-americanos. Desde 1997 é consultora independente, enfatizando o poder do diálogo para apoiar a inovação social e individual, a mudança em toda a comunidade e todo o sistema. Seu foco principal hoje é o constante estudo sobre a dimensão interior da vida e a maneira como a nossa consciência afeta a nossa visão e nossas ações no mundo.

Leila Ferreira: formada em Letras e Jornalismo, com mestrado em Comunicação pela Universidade de Londres. Foi repórter da Rede Globo Minas e durante dez anos apresentou o programa Leila Entrevista, na Rede Minas e TV Alterosa, por onde passaram 1,6 mil entrevistados. É autora best-seller dos livros Viver não dói, A arte de ser leve e Mulheres: por que será que elas…?, publicados pelo selo Principium da editora Globo Livros.

João Paulo Cunha: jornalista que representa uma forte tradição humanística no jornalismo mineiro. Formado em filosofia, psicologia e jornalismo, é um dos profissionais mais respeitados, articulador de amplo diálogo com a universidade, trazendo para o jornalismo espaços de reflexão e promovendo leituras críticas e aprofundadas sobre a cultura. No jornal Estado de Minas, era editor-chefe do “Caderno de Cultura”, do “Caderno de TV”, do “Divirta-se” e do suplemento “Pensar”, que circula aos sábados. Sua coluna, “Olhar”, era leitura obrigatória para intelectuais, artistas e todos os leitores que cultivam o texto crítico, o olhar aprofundado sobre os mais variados temas do pensamento brasileiro.

Ângela Maria Carrato Diniz: jornalista, mestre e doutora em Comunicação pela Universidade de Brasília (UnB). Possui também formação em Psicanálise.Foi professora da Pontifícia Católica de Minas Gerais (PUC-MG) de 1983 a 1986. Implantou e dirigiu a sucursal do Diário do Comércio em Brasília. Desde 1989 é professora do Departamento de Comunicação Social da UFMG. Dirigiu a Fundação TV Minas, Cultural e Educativa (Rede Minas de Televisão), tendo acumulado no período (2003-2005), sua direção de Programação. Coordenou a Comunicação do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (2006-2010). Ficou em segundo lugar no Prêmio Internacional América do Sul (2005), promovido pelo Ministério das Relações Exteriores do Brasil e pela Fundação Alexandre de Gusmão, sobre o Tema Integração da América do Sul. No momento dedica-se ao projeto de Ensino, Pesquisa e Extensão Estação Liberdade e ao blog de mesmo nome.

Christina Carvalho Pinto: uma das maiores lideranças na criação de novas visões para marcas e para o universo da mídia, aliando o poder das ideias ao poder da consciência. Empresária, estrategista, comunicadora e, acima de tudo, revolucionária.
Primeira mulher na América Latina a presidir um mega grupo multinacional, o Grupo Young & Rubicam, que liderou como sócia durante sete anos. Presidente e sócia do Grupo Full Jazz de Comunicação. Líder da plataforma multimídia Mercado Ético, sobre sustentabilidade.

Roberto Baraldi: jornalista desde 1980. Foi repórter e editor dos jornais Diário do Grande ABC, O Estado de São Paulo, Gazeta Mercantil e Gazeta Mercantil Latino-Americana. Foi editor-associado da Editora Brazil Now, especializada em publicações sobre o Brasil para o exterior. Foi assessor de imprensa do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome e atualmente coordena a Assessoria de Imprensa e Produção de Conteúdos da Fiat Chrysler Automobiles para a América Latina. É diretor do Capítulo Minas Gerais da Associação Brasileira de Comunicação Empresarial (Aberje).

(Participação virtual)

André Trigueiro: repórter na Rede Globo, professor e escritor. Autor dos livros “Mundo Sustentável 2 – Novos Rumos para um Planeta em Crise” (2012) e “Mundo Sustentável – Abrindo Espaço na Mídia para um Planeta em transformação” (2005), “Espiritismo e Ecologia” (2009), “Viver é a Melhor Opção – A prevenção do suicídio no Brasil e no Mundo” (2015) e coordenador editorial e um dos autores do livro “Meio Ambiente no século XXI” (2003). É editor-chefe do programa semanal “Cidades e Soluções” , exibido na Globo News desde outubro/2006. É comentarista da Rádio CBN desde 2003, onde apresenta aos sábados e domingos o quadro “Mundo Sustentável”.


Nenhum comentário :